Telefone: (11) 2295-9931 | (11) 9 5726-6578 End: R. Gonçalves Crespo, 226 (Próx. Metrô Tatuapé) | End: R. Cerqueira Cesar, 466 (Próximo ao Hospital Next Santo Amaro)
Ozônio, Ozônioterapia, Saúde em Geral

Problemas circulatórios: a ozonioterapia pode ajudar

Problemas circulatórios são aqueles que afetam a passagem de sangue entre as veias e artérias dos pacientes. Além de provocarem dores e limitações cotidianas, eles também podem ser agravados quando não tratados, trazendo sérios danos à saúde e até riscos de morte.

A seguir, saiba como eles se caracterizam, quais os seus principais sintomas e qual o papel da Ozonioterapia em seu combate. Boa leitura!

O que são problemas circulatórios?

Os problemas circulatórios ocorrem quando o sangue apresenta dificuldades de circular entre as artérias ou pelas veias.

Trata-se de uma condição relativamente comum entre a população, que pode ser hereditária ou mesmo ocasionada por conta de hábitos dos pacientes, como mulheres que tomam a pílula anticoncepcional ou indivíduos com sobrepeso.

O próprio envelhecimento do corpo pode acarretar em problemas circulatórios, ou mesmo comportamentos aparentemente inofensivos, como cruzar muito as pernas ou passar muito tempo de pé.

Entre as principais condições e hábitos que favorecem a má circulação, destacam-se:

  • A má alimentação e a alimentação irregular;
  • Excesso de estresse no dia a dia;
  • Obesidade;
  • Pressão alta;
  • Consumo excessivo de álcool;
  • Tabagismo;
  • Sedentarismo.

Apesar de essas serem as principais causas, os problemas circulatórios podem ser acarretados por uma série de fatores que prejudicam o equilíbrio do organismo e comprometem a passagem correta do sangue.

Esse tipo de problema acomete pessoas de todas as idades e, independentemente da situação, deve ser devidamente tratado. Mesmo em idosos, em que sua ocorrência é mais comum, é preciso seriedade e cautela em seu tratamento.

Caso não sejam combatidos, os problemas circulatórios podem comprometer órgãos e extremidades do corpo, causando sérias limitações físicas para os pacientes.

Quais os seus principais sintomas?

Os sintomas mais característicos dos problemas circulatórios variam de acordo com as regiões em que eles surgem, que podem ser nas veias ou mesmo nas artérias dos pacientes.

Entre os principais sinais da má circulação venosa, estão condições como:

  • Aparecimento de varizes e varicoses;
  • Inchaços repentinos nos membros;
  • Sensação de queimação e formigamento;
  • Diferentes dores nos membros;
  • Inchaços súbitos.

Já os problemas circulatórios arteriais geralmente são acompanhados dos seguintes sintomas:

  • Amortecimento nas mãos e pés;
  • Dor nas pernas, principalmente ao caminhar;
  • ObesidadeRedução da sensibilidade;
  • Sensação de frieza nos pés e mãos;
  • Dificuldades de fala;
  • Falta de força nos membros;
  • Feridas com cicatrização dificultada;
  • Alterações na visão.

Como mencionamos anteriormente, a má circulação pode provocar problemas ainda mais sérios, arriscados e comprometedores. Por conta disso, a busca por ajuda médica deve ser imediata sempre que exista alguma suspeita.

Por que a Ozonioterapia é um importante recurso contra a má circulação?

Muito além dos danos característicos que provocam ao organismo, os problemas circulatórios também podem gerar males periféricos que agravam o seu quadro e submetem os pacientes a ainda mais dores, riscos e complicações.

Esse é o caso dos coágulos sanguíneos, que agem como um bloqueio nas veias ou artérias quando as mesmas são danificadas ou têm seu fluxo comprometido.

Contra essas e outras situações, a Ozonioterapia atua como um aliado indispensável aos tratamentos considerados tradicionais, já que a aplicação do ozônio medicinal é capaz de:

  • Fortalecer as paredes das veias e artérias;
  • Remover as placas que provocam os coágulos;
  • Estimular o sistema imunológico como um todo, favorecendo a circulação;
  • Aumentar os níveis de oxigenação sanguínea;
  • Expulsar impurezas e toxinas que agravam os quadros de má circulação;
  • Favorecer a circulação de sangue em órgãos como os pulmões, proporcionando sua limpeza.

Além disso, a Ozonioterapia ainda é capaz de prevenir derrames, colesterol alto, ataques cardíacos, problemas de pressão e até mesmo combater as doenças que acometem o coração.

Para garantir resultados plenos e seguros, porém, é preciso certificar-se de que os responsáveis pelo tratamento sejam devidamente registrados e contem com toda a experiência e qualificação técnica necessárias para obter os melhores resultados!

Se você tem problemas circulatórios e ficou interessado no tratamento, conheça o trabalho da Clínica Dr.Ozônio e conte com toda a assistência de quem é referência nacional na área.

Não deixe de acompanhar também as novidades do blog Saúde com Ozônio para não perder nenhuma novidade e avanço no segmento.

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *